X

Cartoneras: a publicação de livros como instrumentos de resistência

Publicado pela Praça em 09.08.2021

atadora, editora pioneira na editoração cartonera em nosso país. Dulcinéia Catadora está localizada em uma cooperativa de reciclagem, na cidade de São Paulo e já publicou cerca de 130 títulos e vendeu mais de 12 mil exemplares. LEIA A ENTREVISTA AQUI.

Em breve!

se você já possui um cadastro, anuncie gratuitamente

Envie apenas uma história, uma entrevista ou um artigo de não-ficção de cada vez (com no máximo 10.000 palavras) e não mais do que três poemas de cada vez. Traduções devem ser acompanhadas de uma cópia do texto original. Você pode enviar trabalhos quantas vezes quiser, mas pedimos que aguarde nossa resposta antes de enviar outros trabalhos para consideração. Não há contagem máxima de páginas para envios e, no momento, não estamos procurando trabalho sobre nenhum tema ou tópico em específico. Dito isso, ler nosso conteúdo recente e também a página SOBRE A PRAÇA, é talvez a melhor maneira de desenvolver um senso do que estamos buscando.

Nossa pequena equipe vai fazer o possível para responder o quanto antes. Agradecemos sua paciência e compreensão.

Preencher Formulário